Como vencer o medo de dentista (tratamento dentário)?

O medo de dentista não é coisa apenas de criança. É muito comum, aliás, vermos adultos que preferem sofrer com dores nos dentes, dentes caindo ou cáries que os levam a perder vários dentes por medo da cadeira do dentista.

O som da máquina, o ambiente do consultório ou o próprio profissional, tudo isso soa como algo aterrorizante. Ir ao dentista, para quem sente esse medo incrível, é uma verdadeira tortura, e é algo que só acontece quando não há nenhuma outra providência a tomar para solucionar o problema.

Sintomas do medo de dentista

Para as crianças é muito fácil admitir que tem medo de dentista. Afinal, todos nós ficamos aterrorizados, quando pequenos, ao ouvir o som do motorzinho. Os adultos, por outro lado, escondem esse sentimento, muitas vezes por vergonha, mas é muito fácil perceber quando uma pessoa já crescida tem medo de dentista.

Quando chegam ao consultório, essas pessoas ficam muito desconfiadas, olhando tudo ao seu redor com uma expressão de pânico. Seu corpo dá sinais claros desse medo. Seus ombros ficam bastante tensionados, os pés cruzados na cadeira da sala de espera e as mãos suando.

Embora pareça bastante engraçado para quem observa um adulto com medo de dentista, para quem sofre desse problema não há nada para rir. A situação causa sofrimento, tanto físico quanto emocional.

Se você sofre desse problema, ou conhece alguém que enfrenta algo do tipo, veja as dicas que trouxemos para acabar com esse medo de dentista e tornar as visitas ao consultório menos traumatizantes e mais produtivas.

Como vencer o medo de dentista

Determinação

Cada um de nós funciona muito bem quando nos propomos a fazer algo especial. Então, se você quer perder o medo de dentista deve decidir que quer deixar isso para trás, e está disposto a cuidar bem da saúde de seus dentes.

Indicação

Quem quer perder o medo de dentista deve conversar com parentes e amigos para que estes lhes indiquem um bom dentista. Em geral, quem tem medo não tem um profissional de sua confiança, o que torna tudo ainda mais difícil.

Então, depois que receber as sugestões, procure visitar ao menos três consultórios diferentes para ter a certeza de que escolheu o profissional certo.

Companhia

Perder o medo de dentista sozinho está muito difícil? Então procure a companhia de um amigo ou de um familiar. Ir acompanhado ajuda que você se distraia durante a espera, diminuindo a ansiedade antes da consulta e trazendo aquele alívio tão necessário.

Pergunte

Quem quer perder o medo de dentista não deve ter medo de perguntar. Na hora da consulta, desabafe com o profissional, contando todos os medos e o que lhe deixa inseguro. Isso vai ajudar não só você como também o próprio dentista, que saberá como lhe atender para diminuir o incômodo do momento.

Respire

Sentar na cadeira do dentista lhe dá muita ansiedade? Então pratique exercícios de respiração que lhe acalme. Se preferir, feche os olhos, para se sentir menos ansioso. E, para tornar a experiência menos traumatizante, combine com o dentista alguns sinais para que ele interrompa o tratamento caso você se sinta muito incomodado.

Conferir depoimentos